segunda-feira, julho 19, 2021

SERÁ PATETA?

 Questionado por jornalistas que o questionaram depois de o terem aapnhado a 190 km/h numa estrada nacional e a 200 km/h numa auto-estrada, o ministro fez dois comentários que, no mínimo, são patéticos. Como home corajoso começou logo por assegurar que não era ele o condutor e que não se tinha apercebido. A sugestão é óbvia, que o maroto do motorista gosta de andart a duzentos à hora e aproveita quando ele está distraído ou a dormitar para se armar em Fittipaldi.

Quanto à forma pouca digna como atira um desgraçado que ganha miseravelmente para a fogueira, nem sequer merece qualquer comentário. Mas, talvez pior do que isso, é ver um senhor com aquele ar de quem sabe voa, fazer de todos nós uns palermas.