domingo, maio 31, 2015

Semanada

Cavaco Silva andou a semana desaparecido, quando se esperava que se aproveitasse da nomeação do governador do Banco de Portugal para repetir o seu discurso do consenso optou por ficar calado, logo ele que se chegou a esclarecer que não enganou os investidores e depositantes doo BES pois apenas repetiu o que Carlos Costa lhe tinha dito. Feita a nomeação do governador Cavaco foi para o Penedono falar dos portugueses de têmpera necessários para trazer sucesso à política do seu governo e sugeriu que os políticos fosse aqulas bandas para regressarem com espírito de compromisso. Enfim, Cavaco foi lá mas com uma semana de atraso.
  
Quem veio imbuído de espírito de compromisso nesta questão d governador do BdP por esse político morto vivo que em má hora foi ministro das Finanças. Teixeira dos Santos veio apoiar a recondução de Carlos Cosa, mas esqueceu-se de dizer que o antigo responsável da área internacional do BCP que nada sabia das off shores é seu colega de curso e mesmo sem grandes aptidões foi escolha sua para o cargo que vai continuar a ocupar.
  
Depois de ter negado que o antecessor lhe tenha deixado um estatuto da PSP a ministra recebeu ordens de Passos Coelho para ceder a tudo o que os sindicatos da PSP lhe exigissem. Os resultados estão à vista, a ministra deu-lhes tudo e ainda lhes perguntou se queriam uma praia na Ameixoeira.

blog comments powered by Disqus