sexta-feira, setembro 04, 2015

Umas no cravo e outras na ferradura



   Foto Jumento


 photo _Grafitti_zpsinv70aj0.jpg

Grafittis nos muros do Hospital Júlio de Matos, Lisboa
  
 Jumento do dia
    
Luís Marques Guedes

Convencido de que depois de varrer o passivo do BES para o banco mau a venda do Novo Banco iria gerar uma receita que compensasse o investimento feito pelo Estado no fundo de resolução, ficando o prejuízo escondido em processos judiciais, o governo prometeu ue a operação não teria custos para os contribuintes todo este tempo descansado quanto ao défice.

Agora que as coias estão a correr mal e o Novo banco vai ser vendido por metade do preço esperado o governo tenta iludir a sua incompetência e irresponsabilidade, só isso explica que um ministro manhoso se sinta com à vontade para acusar os seus adversários político de má fé.

«O Governo acusou hoje o PS de "má-fé" na questão da contabilização ou não para o défice do dinheiro que o Estado injetou no fundo de resolução do BES, voltando a reafirmar que não terá qualquer impacto no cumprimento das metas por parte de Portugal.

O ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares, Luís Marques Guedes, afirmou hoje na habitual conferência de imprensa no final do Conselho de Ministros, em Lisboa, que "tem havido má-fé da parte do Partido Socialista na abordagem da questão da contabilização ou não da capitalização que o fundo de resolução fez para o Novo Banco".» [DN]

   
   
 photo Evgeniy-Sh.-4_zpsj4omvrw0.jpg

 photo Evgeniy-Sh.-5_zpshw6l1pfg.jpg

 photo Evgeniy-Sh.-1_zpskaly4scz.jpg

 photo Evgeniy-Sh.-3_zpscnsm3a6z.jpg

 photo Evgeniy-Sh.-2_zpscdm2rlol.jpg
  
blog comments powered by Disqus