sábado, agosto 22, 2015

Semanada

Há muito que este governo perdeu o ímpeto trabalhador o que bem vistas as coisas até é uma bênção para o país, sendo um governo incompetente e formado por incompetentes o seu melhor desempenho ocorre quando não faz nada. Vão longe os tempos em que o governo dizia que não ia de férias, desta vez desapareceram todos e deixaram a capital entregue a Paulo Portas, até Passos Coelho decidiu ir para a Manta Rota, mais para se deixar fotografar pelo CM na companhia da esposa, o grande cartaz político do PSD, do que para ir à praia.
  
Esta tendência par deixarem o mês de Agosto e os fins-de-semana a figuras secundárias não é novidade, há muito que as pequenas figuras da política portuguesa aproveitam os tempos em que os jornalistas quase são despedidos por falta de notícias para se transformam em vedetas na comunicação social. Os governantes do CDS, a começar em Paulo Portas e a acabar no Núncio Fiscoólico, são especialistas neste papel, mas parece que a moda pegou e até já há candidatas presidenciais que fazem pré-candidaturas presidenciais a meio de Agosto para se aproveitarem da avidez por matéria noticiosa.
  
É por estas e por outras que esta semanada é pobre, não vale a pena perder tempo com as diatribes presidências de Maria de Belém, uma candidata que na opinião do vozeirão poética não pode ser criticada sob o pretexto de que face ao penteado da senhora qualquer crítica resulta de conceitos sexistas, com as patetices de Paulo Portas, um político que também não pode ser criticado por causa das fobias condenáveis ou de um Montenegro que a quem não podemos dar muita atenção sob pena de ficarmos com um torcicolo por olharmos tanto para baixo.
 

blog comments powered by Disqus