segunda-feira, fevereiro 17, 2014

Umas no cravo e outras na ferradura



Foto Jumento
 

 photo dentes_zps49e169a2.jpg
     
Grafitti, Lisboa
  
 Jumento do dia
    
Durão Barroso

A pouco tempo de a Europa se ver livre dos seus incompetentes préstimos Durão Barroso insiste em tratar os países ou regiões menos poderosos como entidades que não merecem qualquer desprezo, fez isso quando pressionou de forma abusiva, ridícula e reveladora de pouca vergonha nas fronhas pressionou o tribunal Constitucional do seu país, volta agora a fazê-lo pressionando os eleitores escoceses, tratando a Escócia como uma república das bananas.

Se me fosse possível não teria nada em comum com este senhor, mas infelizmente sou da sua nacionalidade e disso não me posso escapar.

«O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, considerou hoje que será "extremamente difícil, senão impossível" para a Escócia independente aderir à União Europeia (UE), no caso desta região britânica votar pela independência no referendo de setembro.

"Penso que será extremamente difícil, senão impossível" para uma Escócia independente integrar a União Europeia, já que a adesão de um Estado saído de um país membro da UE "tem que ser aprovado por todos os outros membros", disse Durão Barroso à cadeia de televisão BBC.

Barroso, que assegurou não querer interferir no debate sobre a independência da Escócia, considerou que conseguir o apoio de 28 países membros da UE seria "extremamente difícil, se não impossível.

"Não quero interferir neste debate democrático, mas será extremamente difícil" conseguir que todos os países da UE aceitem um país surgido de um dos seus membros, disse Barroso, que recordou que a Espanha, por exemplo, se opôs ao reconhecimento do Kosovo.» [DN]
   
   
 Um povo oportinista
   
«Três em cada quatro suíços querem manter os acordos bilaterais entre a Suíça e a União Europeia (UE), apesar da aprovação na semana passada de limites à imigração proveniente da UE, segundo uma sondagem publicada hoje.

A sondagem, realizada durante a semana que passou, concluiu que 74% dos inquiridos se opõem à anulação dos acordos com a UE, que incluem o princípio da livre circulação de pessoas, segundo os resultados publicados hoje pelo jornal Sonntags Blick.

Apenas 19% das 1.002 pessoas inquiridas pelo instituto de sondagens Isopublic afirmaram que a Suíça devia rasgar esses acordos, enquanto 7% se disseram indecisas.» [i]
   
Parecer:

A Suíça continua fiel à sua história de oportunismo.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Mandem-se os suíços à fava.»
  
 Não batam na criança
     
  
«O também porta-voz do PSD, Marco António Costa, reagia, assim, às acusações do secretário nacional do Partido Socialista (PS), António Galamba, que hoje o considerou um dos responsáveis pela dívida da Câmara de Gaia e pediu explicações sobre o tema.» [Notícias ao Minuto]
   
Parecer:

O mais provocador do PSD faz queixinhas.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se a merecida gargalhada.»
     

   
   
 photo Maciej-Duczynski-5_zps35434108.jpg

 photo Maciej-Duczynski-1_zps8204a028.jpg
 
 photo Maciej-Duczynski-4_zps10c639b9.jpg

 photo Maciej-Duczynski-3_zps8166e63e.jpg
 
 photo Maciej-Duczynski-2_zps02fe89b9.jpg

 
 
 
     
blog comments powered by Disqus