segunda-feira, dezembro 22, 2014

Umas no cravo e outras na ferradura



   Foto Jumento
  
 Jumento do dia
    
Miguel Poiares, o Maduro

Este Maduro tem alguma graça ao dizer que o governo não governa para novas eleições mas sim para as gerações futuras. Estará a referir-se às gerações dos filhos daqueles que o mesmo governo sugeriu que procurassem a sua zona de conforto abandonando o país?

«Apesar das eleições legislativas estarem aí à porta, Poiares Adures defende em entrevista à TSF que este executivo “não pode governar para eleições, mas para as gerações futuras”

O ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional defende que é errado achar-se que se “ganham eleições com medidas eleitoralistas, escondendo às pessoas as dificuldades que ainda temos pela frente”.

Garante, contudo, que os apoios do quadro comunitário de Bruxelas 2014-2020 no valor de 21 mil milhões vai ser bem aplicados e que haverá prémios para quem exceder as previsões de exportações ou criação de postos de trabalho, prémios na forma de parcelas de financiamento a fundo perdido.» [Notícias ao Minuto]
 
 Vou falar com

 photo _Ricciardi_zps8871f6fa.jpg
  
(TVI)

Nesta gravação de uma reunião do Conselho Superior do Grupo Espírito Santo ficámos a saber que o Ricciardi não se importaria de ir varrer ruas o que nos permite ter a  esperança de um dia o vermos a varrer a rua de Massamá onde vive Passos Coelho. Mas bem mais interessante do que as dúvidas vocacionais do júnior do comandante é o facto de em plena reunião o mesmo José Maria Ricciardi afirma que vai telefonar a Passos Coelho a sua decisão de retirar a confiança em Ricardo Salgado, acrescentando mesmo que Passos Coelho já lhe tinha ligado. (8' 23'')
 
Até onde foi o envolvimento de Passos Coelho na luta interna entre Ricciardi e Ricardo Salgado? Uma solução diferente para o BES a patrocinar pelo Governo dependia do papel de José Maria Riciardi dentro do BES? Passos Coelho patrocinou a estratégia de José Maria Ricciardi para conquistar o poder no BES?
  

 Boa Ganda Nóia!
   
«O ex-presidente do PSD Marques Mendes garantiu este sábado que não pediu favores ao ex-presidente do Instituto de Registo e Notariado (IRN) para desbloquear dois casos de vistos de residência, mas admite que possa ter sido escutado porque ligou, de facto, a António Figueiredo mas só para um pedido de informação.

Marques Mendes aproveitou, mais uma vez, o seu espaço habitual de comentário na SIC para desmentir notícias que o referem diretamente. Neste caso, a TVI noticiava que tinha sido apanhado nas escutas da operação labirinto, ao caso dos vistos gold, a falar com António Figueiredo a pedir-lhe favores.» [Observador]
   
Parecer:

O Marques Mendes não pediu nenhum favior, só telefonou ao presidente do instituto, um gesto muito comum na generalidade dos protugueses, para saber em ponto estavam os processos. A isto chama-se gozar com os portugueses.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se a merecida gargalhada.»

 Vida difícil para jihadistas estrangeiros do EI
   
«O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) executou cem dos seus combatentes estrangeiros, que tentavam fugir da cidade de Raqqa, no norte da Síria, avançou hoje o jornal britânico Financial Times.

A informação foi dada, sob anonimato, por um ativista opositor ao regime sírio e ao EI, que o jornal diz "conhecer bem". O homem afirma ter "comprovado as cem execuções" de jihadistas estrangeiros que tentavam fugir dos combates.

De acordo com elementos do grupo do EI em Raqqa, foi criada uma polícia militar para se ocupar dos combatentes estrangeiros que tentam desertar, dando lugar a dezenas de buscas domiciliárias e várias detenções.» [DN]
   
Parecer:

Era de esperar que isto viesse a acontecer quando percebessem que esta guerra não era uma excursão para euroepus idiotas.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Problema deles.»
  

   
   
 photo Suzi-McGregor-3_zpsc413d187.jpg

 photo Suzi-McGregor-4_zpsddc0ce53.jpg

 photo Suzi-McGregor-2_zps2a552c48.jpg

 photo Suzi-McGregor-5_zpsd63a027a.jpg

 photo Suzi-McGregor-1_zps4f1d47b1.jpg
  
blog comments powered by Disqus