sábado, janeiro 03, 2015

Umas no cravo e outras na ferradura



   Foto Jumento


 photo _flor_zps4a231574.jpg

Flor do Parque Florestal de Monsanto, Lisboa
  
 Jumento do dia
    
Alberto João Jardim

Há vícios difíceis de perder e no dia em que o Alberto não puder gastar dinheiros públicos até vai amarinhar pelas paredes por causa da ressaca!

«O Governo Regional da Madeira, sob a presidência de Alberto João Jardim, concedeu, no seu último plenário de 2014, um empréstimo de 6,1 milhões de euros às sociedades de desenvolvimento Ponta Oeste e do Norte. Este financiamento foi contratado pela sociedade do Porto Santo com a Depla Deutsche Pfandbriefbank AG e avalizado pela Região Autónoma.

Ao longo de 2014 o Governo madeirense fez entrar mais 40 milhões de euros mas sociedades Ponta Oeste, Norte, do Porto Santo e Metropolitana – as quatro de capitais exclusivamente públicos – persistindo em viabilizar projectos cuja retorno já se provou ser muito duvidoso e outros cujos resultados foram considerados desastrosos. Entre estes estão a marina, no Lugar de Baixo (onde já foram gastos mais de 125 milhões, quatro vezes o custo previsto), e o heliporto do Porto Moniz. Inaugurados antes das eleições de 2004, nunca funcionaram e encontram-se em estado de degradação.

Na resolução aprovada no plenário de 29 de Dezembro e publicada no dia seguinte no Jornal Oficial, Jardim reconhece que o Plano de Ajustamento Económico e Financeiro da Madeira obrigou a “uma contenção nas despesas de investimento”, na sequência da qual “foram cancelados alguns dos projectos, em curso ou em fase de adjudicação”. Ainda assim, decidiu transferir o financiamento concedido em 2006 a uma das quatro sociedades públicas para outras duas igualmente falidas e a aguardar a protelada medida de fusão.» [Público]
 
 CM promove Sócrates

 photo _prtomove_zpsa1c32a38.jpg

Na falta de novas informações do processo, sinal de que os polícias de toga nada fizeram durante o Natal e passagem do ano, o CM decidiu promover José Sócrates a candidato presidencial.

 O nervosismo de Cavaco Silva

Cavaco anda com tanto receio de ter de dar posse ao governo que derrubou que em vez de uma mensagem de Ano Novo fez uma comunicação eleitoral ao país onde tentou passar a ideia de que não há diferenças entre os partidos e que a oposição deve ir ás legislativas sem programa eleitoral e mansinha nos ataques ao governo. 


 O ano começa bem...
   
«Bárbara Guimarães poderá ser julgada por crime de violência doméstica, caso a decisão do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Lisboa se torne definitiva. Em despacho publicado a 23 de dezembro, o tribunal escreveu que a apresentadora de televisão terá tido uma “conduta de maus-tratos psicológicos” quando Manuel Maria Carrillo se ausentou do país, em outubro.

Em causa está o que se passou entre 15 e 18 de outubro de 2014. O ex-ministro da Cultura esteve em Paris e, durante esse período, Bárbara Guimarães, escreve o Público, que teve acesso ao acórdão do tribunal, terá trocado a fechadura da porta de casa “de forma fria e calculista”. E mais: terá empacotado “10 mil livros em 107 caixotes” e contratado “uma empresa de segurança privada” para “impedir” Carrillo de “entrar em casa”.

O crime de violência doméstica, de acordo com o Código Penal, é punível com pena de um até cinco anos de prisão, prevendo maus-tratos de índole física ou psicológica.

O comportamento de Bárbara Guimarães é descrito como sendo de uma “grande violência psicológica”. A apresentadora, de 41 anos, terá também perturbado “a liberdade de decisão” de Manuel Maria Carrilho, de 63 anos, por este “estar impedido de ver os filhos menores”, algo que “lhe terá provocado danos na sua saúde psíquica e física”. O despacho indica ainda que o antigo governante chegou a estar sem acesso ao local de trabalho e a falhar “compromissos profissionais” devido à conduta da apresentadora.» [Observador]
   
Parecer:

Esta família não para de nos surpreender...
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Lamente-se.»

 Alfazema do mar em risco de extinção
   
«Uma espécie do género Limonium, um grupo de plantas conhecidas como alfazemas-do-mar, está em risco de extinção no Cabo Raso, no concelho de Cascais, alertam investigadores do Instituto Superior de Agronomia (ISA) da Universidade de Lisboa, na sequência dos estudos que têm feito na zona.

As populações dessa espécie, Limonium multiflorum, só existem na costa portuguesa, entre Cascais e a Nazaré. Trata-se de um endemismo lusitano que ocorre nas primeiras manchas de vegetação das arribas costeiras. Resistentes a ambientes salinos, estas plantas perenes apresentam folhas que crescem, em forma de roseta, junto ao chão preferencialmente rochoso. A partir da Primavera exibem flores liláceas, tornando a sua observação mais fácil no terreno. A espécie possui populações muito antigas com indivíduos que podem atingir uma longevidade até 30 anos.» [Público]

 Tornozelo perigoso
   
«A cantora Selena Gomez provocou mais uma vez agitação nas redes sociais. Durante a visita à Grande Mesquita de Abu Dhabi a norte-americana publicou uma fotografia onde mostra o tornozelo dentro do templo sagrado.

Os muçulmanos ficaram chocados com as atitudes da cantora. Além da fotografia com o tornozelo à mostra, publicou também uma fotografia onde está às gargalhadas com um grupo de amigos no mesmo local. As imagens foram consideradas uma “falta de respeito” para os cidadãos locais.

O local sagrado tem regras a cumprir. Mas, ao que parece, Selena não obedeceu. As saias devem cobrir os tornozelos e os beijos são proibidos dentro da mesquita da cidade dos Emirados Árabes Unidos.» [i]
   
Parecer:

Começa a não haver paciência para religiões.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se no Abu Dhabi quanto davam para ver um pouco mais.»

   
   
 photo Tatiana-5_zpsd2950733.jpg

 photo Tatiana-2_zpsfda4bf6b.jpg

 photo Tatiana-3_zps3be24afd.jpg

 photo Tatiana-4_zps71a76935.jpg

 photo Tatiana-1_zpsb83d037f.jpg
  
blog comments powered by Disqus