domingo, maio 07, 2017

Semanda

Passos Coelho diz que com os independentes que escolhe não corre o risco de ser rejeitado. Veremos se vai ser assim, já que com os do seu partido não teve a mesma sorte, ainda ninguém se esqueceu de como foi rejeitado e enjeitado por Marcelo rebelo de Sousa, que o dispensou de participar na sua campanha presidencial como se fosse peste.

Outra senhora com vocação para ser enjeitada é a nossa grande economista de renome internacional Maria Luís Albuquerque. A pobre senhora foi para a rádio sugerir que as previsões de Marcelo não são independentes, para não dizer que são feitas por alguém sem competência para as fazer, afirmando que preferia as previsões da Dra. Teodora, do fim e da EU. Pois, foi por estar tão confiante nas verdades científicas da Dra. Teodora que acabou de repetir a aritmética da primeira classe, depois de se ter enganado na tabuada.

Passos Coelho declarou que não tiraria conclusões de uma derrota nas autárquicas, mas agora anda de município em município lançando a sua candidatura à autarquia de São Bento. Há pouco tempo o ainda líder do PSD andava de jantar de mulheres em jantar de mulheres fazendo discursos rigorosamente idênticos aos que faz na apresentação das candidaturas autárquicas.

Rui Moreira, um populista que mistura bola com ódio aos partidos, não gostou que Ana Catarina Mendes dissesse que festejaria a sua vitória como se fosse uma vitória do PS. O populista, que se esqueceu do discurso de vitória de Paulo portas nas últimas autárquicas, teve uma crise de indignação e tentou dividir o PS, rejeitando o apoio deste partido mas abrindo a porta ao seu potencial candidato. Enganou-se e o seu “movimento” (termo que recorda o franquismo, tem agora várias candidaturas partidárias fortes.
blog comments powered by Disqus