quinta-feira, maio 25, 2017

Umas no cravo e outras na ferradura



 Jumento do Dia

   
Ana Avoila, sindicalista

Ninguém entende o porquê de uma greve da Função Públicas. Trata-se de mais uma espécie de ritual religioso presidido por esta sacerdotiza do sindicalismo.

«"As escolas são já prática encerrarem com a greve dos trabalhadores não docentes, esta greve na educação tem uma força muito grande", afirmou a dirigente sindical na conferência de imprensa de hoje onde voltou a recordar as razões para a paralisação dos trabalhadores da função pública no próximo dia 26 de maio.

"Na saúde vai afetar naturalmente", acrescentou, sublinhando que os serviços mínimos serão garantidos. Mas haverá ainda mais áreas a serem afetadas pela greve, como por exemplo a da cultura, que teve uma greve há pouco tempo.

A cultura "vai ter uma nova adesão à greve, há muitos sítios que é provável que fechem", afirmou, o mesmo acontecendo com "repartições de finanças" ou serviços da "Segurança Social.

"Nesse dia, os serviços vão ter perturbações grandes e nalguns sítios não vão funcionar", salientou Ana Avoila.» [Notícias ao Minuto]

 Contra tudo e contra todos

É bonito ver os eleogios que agora tecem a Mário Centeno, com o ministro das Finanças da Alemanha a citá-lo como o Ronaldo do Eurogrupo. O problema é que quando apresentou as suas propostas poucos acreditaram nele.

  O PAÍS DOS IDIOTAS

Interrompeu-se a construção da barragem, perderam-se milhões de euros, Guterres fez dos desenhos rupestres uma bandeira eleitoral, a EDP contratou arqueólogos de renome para dizerem que eram rabiscos sem valor, o Zilhão ganhou fama internacional dizendo que não, construiu-se um museu, nomearam-se boys para a sua gestão.

Agora, dois idiotas passaram por lá num dia feriado e decidiram dizer ao mundo que os desenhos rupestres não nadam mas andam de bike!

      
 Regabofe nos serviços de informações
   
«O nome do autor do atentado terrorista que esta segunda-feira matou 22 pessoas em Manchester começou a circular a meio da tarde de terça-feira, numa informação avançada pela Associated Press. Apesar de a agência noticiosa citar como fonte as autoridades britânicas, a informação terá sido revelada pelos serviços norte-americanos. A decisão não foi bem recebida no Reino Unido. A ministra do Interior britânica, Amber Rudd, considerou a "intervenção" de Washington "irritante". Horas depois, emergiram novos detalhes sobre o autor do atentado, citando informação dos serviços britânicos. Novamente, não eram as autoridades do Reino Unido que os partilhavam, mas o ministro do Interior francês.

Os pormenores sobre identidade do autor surgiram depois de a polícia de Manchester ter alertado para que não se especulasse sobre a identidade do responsável e antes de avançar com a sua primeira detenção. Até àquele momento, a polícia britânica havia apenas publicado um comunicado em que informava que o autor tinha morrido durante o ataque, sem o identificar, para que os serviços britânicos pudessem trabalhar na investigação.» [Público]
   
Parecer:

Tanta incompetência...
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Lamente-se.»
  
 O Ronaldo do Eurogrupo
   
«O Presidente da República gostou de ouvir as declarações do ministro das Finanças alemão, que comparou Mário Centeno ao Cristiano Ronaldo das Finanças. Embora ressalvando que a saída de Portugal do Procedimento por Défice Excessivo (PDE) é uma vitória colectiva, Marcelo Rebelo de Sousa concorda com a comparação: “Quem quer que tenha pensado o dito isso, por uma vez não se enganou”. » [Público]
   
Parecer:

Há poucos dias Marcelo andou a ler as mensagens pessoais de Centeno...agora cola-se à imagem do ministro das Finanças.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sorria-se.»

 É muito feio 
   
«Se forem verdadeiras as declarações que permitiram o registo por usucapião, em nome de particulares, do terreno parcialmente municipal adquirido em 2001 pela Selminho, uma empresa da família de Rui Moreira, a Câmara do Porto já não terá qualquer direito sobre 1660 metros quadrados, dos 2260, que estão registados em seu nome e, ao mesmo tempo, em nome daquela empresa. Se, pelo contrário, se provar em tribunal que tais declarações não são verdadeiras, a aquisição pelos particulares que venderam a propriedade à Selminho é nula. Nesse caso, porém, a Selminho poderá igualmente ficar com a propriedade, podendo até registá-la por usucapião.

Estas são algumas das conclusões a que chegaram dois juristas a quem a Câmara do Porto encomendou um parecer sobre os direitos reais do município e da Selminho em relação àquela propriedade, situada numa escarpa junto à ponte da Arrábida.» [Público]
   
Parecer:

A forma como a empresa da família do autarca fica com terrenos da CMP não é das mais elegantes e o negócio não fica bem a Rui Moreira porque "quem sai aos seus não degenera".
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Lamente-se.»

 Dor de corno
   
«Esta terça-feira, na assembleia municipal, o PSD aproveitou a visita de boas vindas do autarca para falar de buracos. Mais concretamente, de um buraco na mesma Rua Rodrigo da Fonseca onde Madonna está hospedada – e que está por tapar há vários meses. Informada do facto de Fernando Medina ter ido “visitar uma estrela pop”, a deputada Margarida Saavedra ironizou. “Das três uma: ou o fez como particular, ou a dita estrela tinha tanto interesse para o turismo que a Associação de Turismo de Lisboa entendeu mandar, nem mais nem menos, o presidente da câmara”, disse a social-democrata.» [Público]
   
Parecer:

Só gente pequenina tem esta abordagem de uma visita do autarca a alguém cujo nome traz mais publicidade a Lisboa do que a candidatura da Teresa Leal Coelho.
  
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Mande-se essa gente ter juizinho e portar-se como gente grande.»

 Filho de peixe...
   
«O pai do autor do ataque bombista em Manchester já pertenceu a um grupo ligado à Al-Qaeda, revelou à Associated Press um antigo membro das forças de segurança líbias.

Segundo Abdel-Basit Haroun, Ramadan Abedi pertenceu, nos anos 90, a um grupo armado líbio com ligações à organização terrorista.

A agência noticiosa refere que o grupo LIFG foi dissolvido, mas que o pai de Salman Abedi continuou a pertencer a um movimento salafista ortodoxo conservador dentro do islamismo sunita.» [Notícias ao Minuto]
   
Parecer:

Como é que alguém ligado a um grupo terrorista é refugiado no Reino Unido?
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Lamente-se a vida de tanta gente por causa de um bandideco e da estupidez dos governantes.»

blog comments powered by Disqus