segunda-feira, julho 29, 2013

Umas nos cravo e outras na ferradura


 
   Foto Jumento
 
 photo Aguas_zpsa8fceee8.jpg
   
Águas-furtadas, Vila Real de Snato António
   
   
 E vão dois mais o Gaspar
   
«Selassie, o chefe de missão da troika em Portugal, que representava o FMI, vai dizer adeus ao País e à missão, pois, segundo fonte oficial, o responsável vai antes assumir funções no departamento africano.

O representante do FMI na missão portuguesa será substituído em Setembro por Subir Lall, director do departamento europeu do FMI e chefe de missão para a Alemanha e Holanda, países que, segundo o Sol, acumulará com Portugal já na oitava e nona avaliação.» [Notícias ao Minuto]
   
Parecer:

Pois, o rapaz sempre revelou mais jeito para países como o seu, só é pena que desta forma se escape às responsabilidades pelo que fez em Portugal. Gaspar demitiu-se assumindo o falhanço, o Durão Barroso calou-se, o comissários dos Assuntos Monetários despareceu e o BCE não diz nada, a troika prepara-se para não assumir as responsabilidades pelo desastre português.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Que vá com Deus.»
  
 Começa a perceber-se porque Portas queria demitir o Álvaro
   
«A indicação de Pires de Lima, transmitida em nota enviada à agência Lusa pelo Ministério da Economia, surge no dia em que o Correio da Manhã noticia que, dias antes de abandonar a pasta da Economia, o antecessor Álvaro Santos Pereira "deu instruções para ser declarado o incumprimento definitivo do contrato de contrapartidas da compra dos torpedos para os submarinos".

Segundo o gabinete do novo ministro com a tutela da Economia, o contrato de contrapartidas que deriva de aquisição de torpedos tem um período de vigência de oito anos, que termina em fevereiro de 2014.» [Notícias ao Minuto]
   
Parecer:
 
O CDS volta a controlar o negócio.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Vomite-se.»
   
 O elogiador oficial
   
«Nuno Amado elogia os responsáveis do Governo pelas pastas das Finanças, Maria Luís Albuquerque e da Economia, António pires de Lima. Para o banqueiro, “ser ministro nestas circunstâncias não é fácil".

Na opinião do presidente do BCP, o cargo de ministro "hoje em dia não é um posto tão apetecido assim".» [Notícias ao Minuto]
   
Parecer:
 
Este senhor não trabalhava no banco Santander, o tal que se encheu a vender swaps?
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Mande-se um estojo de graxa ao senhor.»
   
 Despedimento preparado em Agosto
   
«“O Ministério das Finanças deu indicações às direções gerais e regionais dos diferentes serviços da Administração Central do Estado, já na semana passada, para que apresentem, até sexta-feira, dia 02 de agosto, horários de trabalho reformulados à luz da nova legislação hoje aprovada com vista ao aumento do horário de trabalho no Estado”, revelou à Lusa o dirigente da Frente Sindical da Administração Pública (FESAP), José Abraão.

O responsável sindical referiu ainda que o Governo deu indicações aos serviços para que “reformulem os mapas de pessoal para que, perante a indicação de excedentários, estes possam ser colocados no regime de requalificação até ao final do ano”.

“O Governo está a pedir aos dirigentes que façam o trabalho sujo”, acusou José Abraão, considerando tratar-se de uma “precipitação” do Governo, numa altura em que se desconhece se os diplomas, hoje aprovados na especialidade e que ainda aguardam a votação final global em plenário, “vão ou não cair no Tribunal Constitucional”.» [Notícias ao Minuto]
   
Parecer:
 
Era de esperar.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Espere-se para ver.»
blog comments powered by Disqus