segunda-feira, julho 01, 2013

Jumento do Dia

   
Maria Luís Albuquerque

A secretária de Estado foi para o parlamento pensando que tinha um truque para passar as culpas para outro e tramou-se, parece que Teixeira dos Santos se fartou do silêncio e falou. Da intervenção do ex-ministro resulta que a secretária de Estado mentiu, resta saber se mentiu com todos os dentes ou só com alguns, a verdade é que mentiu ao parlamento e em democracia quem mente ao parlamento só pode ter uma saída, a da porta na sequência de uma demissão.

Em todo o caso a última pessoa que pode armar-se em ignorante nestes negócios foi alguém que numa "vida" anterior os fez. A secretária de Estado bem pode parecer algumas personagens que dizem que só fumaram um charro ou que nunca se meteram na heroína, os swaps que ela comprou bem que podem ser menos tóxicos, é o mesmo que dizer que alguém nunca se meteu na heroína, só na cocaína que é menos viciante e tem uma pedrada mais leve e fina.

Resta à secretária de Estado arrastar a sua existência governamental, a sua credibilidade técnica já não era grande coisa, com estas intervenções coloca-se um problema de carácter. A governante já tem uma asa partida, dificilmente voltará a voar.

«A secretária de Estado das Finanças reiterou esta manhã que o seu antecessor nada lhe disse, em 2011, sobre as operações swap que lesam em milhares de milhões de euros as empresas públicas, admitindo que a matéria foi abordada entre Teixeira dos Santos e Vitor Gaspar na mesma altura.

O então ministro, disse Maria Luís Albuquerque, terá "dito que teria sido pedida informação às empresas, como alias decorria dos memorandos" assinados com a troika, desvalorizou a actual governante.» [Sol]
blog comments powered by Disqus