quarta-feira, fevereiro 15, 2017

Umas no cravo e outras na ferradura




 Jumento do Dia

   
António Domingues

O PSD parecia saber que na correspondência entre Centeno e Domingues havia matéria para alimentar um folhetim, não era grande coisa mas servia para distrair o país e tentar derrubar o melhor ministro das Finanças das últimas décadas. Veio-se a comprovar que assim era e ficou evidente que o PSD estava bem informado.

Se em relação à correspondência há muitas pessoas que a leram e tendo em conta o número elevado de "antenas" que Passos Coelho e Maria Luís Albuquerque montaram nos mais altos níveis da administração Pública nada há a acrescentar, já em relação aos SMS a questão pode ser outra. É a primeira vez que num debate destes alguém se lembra de pedir os SMS e isso só pode querer dizer uma coisa, o PSD sabe o que lá está.

Acontece que os SMS não constam em papéis que possam ser lidos por um dos muitos "informadores" que o governo anterior deixou em muitos altos cargos do Estado, são pessoais. Ora, se Centeno não os deu a Passos Coelho, quem os terá dado? Uma coisa é mais do que óbvia, se a direita quer os SMS é porque muito provavelmente já os leu.

Fica-se com a sensação de que Domingues pode muito bem ser o guionista deste triste folhetim.

«Depois de o CDS ter perguntado formalmente se havia SMS, ou comunicações feitas por outra via, entre António Domingues e o Ministério das Finanças de alguma forma relacionadas com a existência de condições acordadas com o Governo para aceitar presidir ao banco público, também o PSD vai concretizar um pedido semelhante. Mas em vez de querer saber se essas SMS existem ou não, o PSD vai mesmo pedir ao ex-administrador da Caixa Geral de Depósitos a transcrição das mensagens escritas que trocou com o ministro das Finanças. Objetivo é clarificar a “extensão da mentira de Mário Centeno” e o envolvimento do primeiro-ministro.

“Vamos hoje dar entrada de um requerimento [na comissão parlamentar de inquérito à gestão da Caixa Geral de Depósitos] pedindo ao doutor António Domingues que faça a transcrição das mensagens escritas que terá trocado com o senhor ministro das Finanças apenas e só a propósito daquilo que a alteração ao estatuto do gestor público exclui, designadamente a questão da entrega das declarações de rendimentos, para que possa ficar claro de uma vez por todas a extensão da mentira do doutor Mário Centeno e para percebermos também o envolvimento do primeiro-ministro em toda esta matéria”, disse o deputado do PSD Hugo Soares, em declarações à Lusa.» [Observador]

      
 Mais um forte motivo para demitir Centeno
   
«A economia portuguesa acelerou em termos reais no quatro trimestre, crescendo 1,9% face a igual período de 2015, e terminou o ano com uma expansão de 1,4%, valor que supera todas as previsões mais recentes, indicam dados divulgados esta terça-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).» [DN]
   
Parecer:

Numa altura em que a economia dá sinais de inverter um ciclo a direita tenta por todos os meios derrubar Centeno.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Apoie-se o ministro.»
  
 Adivinhem quem o matou
   
«O irmão de Kim Jong-un foi assassinado na Malásia, confirmou uma fonte do governo sul-coreano à Reuters.

O meio-irmão mais velho do líder da Coreia do Norte, Kim Jong-nam, foi assassinado na segunda-feira de manhã no aeroporto de Kuala Lumpur, de acordo com as informações divulgadas esta terça-feira pela imprensa da Coreia do Sul.

Aos 45 anos, Kim Jong-nam foi morto com uma agulha envenenada por duas mulheres — que poderão ser agentes da Coreia do Norte e que fugiram de táxi.

Até ao início da tarde sabia-se que um norte-coreano não identificado morreu a caminho do hospital na passada segunda-feira. A identidade do homem ainda estaria por confirmar, ainda que um funcionário das emergências tenha afirmado que a vítima nasceu em 1970 e chamava-se Kim.» [Observador]
   
Parecer:

Menos um a incomodar o grande líder.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Registe-se.»

blog comments powered by Disqus