quinta-feira, abril 24, 2014

Umas no cavo e outras na ferradura


 
   Foto Jumento
 

 photo _Alfama2_zps704b4498.jpg
     
Alfama, Lisboa
  
 Jumento do dia
    
Nuno Magalhães

Para deputado o Nuno Magalhães anda muito mal informado senão sabia que o verbo "repor" não é uma originalidade de Seguro mas sim do Tribunal Constitucional. Se tem dúvidas então que volte a ver a entrevista que Passos Coelho deu em Setembro de 2012 (aqui).

«"É preciso e é salutar em democracia, que da parte da oposição, sobretudo daquela que quer ser alternativa, dê pistas, dê caminhos, dê alternativas, e que não se limite a conjugar o verbo repor", afirmou Nuno Magalhães, na abertura do debate quinzenal com o primeiro-ministro no parlamento.

"Repor, repor, repor", insistiu, afirmando que os socialistas, se não fossem contrariados, "acabariam por repor a ´troika'".» [Notícias ao Minuto]
 
 A incompetência da troika

Aquando da primeira revisão da legislação laboral a troika assegurava ser indispensável para criar emprego, não se tendo queixado da insuficiência das medidas. Como tudo falhou a troika concluiu que é necessário promover mais uma revisão laboral para tornar os salários ainda mais baixos. Quando será que o representante da troika para de tentar criar emprego, quando os portugueses começarem a emigrar para as fábricas têxteis do Bangladesh?

As referências sociais do indiano que lidera a troika não são as melhores, o senhor parece estar ainda na Índia.
 
      
 O polícia que tratou o FMI como deve ser
   
«No aeroporto, o polícia olhou para o passaporte, olhou para o gordo com cara de bem não transacionável e disse-lhe: "Quer uma entrada limpa?" O gordo não percebeu. O polícia: "É que se há saídas limpas, sem favores, também há entradas limpas. Quer entrar em Portugal limpamente?" O gordo disse que sim. O polícia olhou mais dez vezes para o passaporte e disse: "Estou a fazer a minha 11.ª avaliação... Nome, Subir Lall... Chefe de missão do FMI... É, o senhor tem visto." O gordo, já com soberba: "Claro que tenho!" O polícia, como quem fala da subida do salário mínimo: "Mas é prematuro especular sobre o tema... Que dia é hoje?" O gordo, julgando que números é com ele: "20!" O polícia: "Justamente, o visto de entrada é para o dia 21." Pegou numa calculadora, que dedilhou: "21 menos 20... É, falta um dia para entrar." O gordo: "Por amor de Deus, só por um dia..." O polícia: "Deixe-me citá-lo, sr. Subir Lall: este não é tempo para complacências." O gordo: "Mas que mal faz? Não entro amanhã, entro hoje, vá lá..." O polícia: "Aí já não o cito, você gosta da redução dos custos de trabalho mas eu não gosto da redução do tempo de entrada." O gordo, insistindo numa medida de ajustamento. "Vá lá..." O nosso polícia, firme: "O senhor pode gostar de facilitar despedimentos, mas eu não me despeço de si sem o visto em ordem." E durava esta conversa 40 minutos quando, por telefone, chegou o programa de assistência ao gordo. E o gordo lá entrou.» [DN]
   
Autor:
 
Ferreira Fernandes.
   
   
 A não ser que o coelho seja um coelhão como o Coelho
   
«"Não quero alimentar nenhuma especulação. Por uma razão de natureza formal, não concluimos ainda a 12 avaliação", disse Pedro Passos Coelho, sobre a escolha para o período pós-troika, na conferência do 25º aniversário do "Diário Económico".

"Não devemos esfolar um coelho antes o caçar. E eu que sou coelho de mim falo", afirmou, reforçando que a decisão será comunicada "quando o relatório da ultima avaliação estiver em cima da mesa".» [DN]
   
Parecer:

Pois, mas os pensionistas e todos os portugueses que Passos detesta podem ser esfolados em qualquer ocasião e as vezes que ele bem entender.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Vomite-se.»
  
 Ganda Bertone
   
«O cardeal Bertone, de 79 anos, que foi secretário de Estado de Bento XVI, está em contradição com o apelo de Francisco para uma "Igreja dos pobres", uma situação que está a provocar uma forte irritação no Papa argentino.

De acordo com o diário italiano 'La Repubblica', Bertone uniu dois apartamentos no último andar do Palácio de São Carlos, criando assim uma cobertura de 700 metros quadrados, cem dos quais constituem o terraço.A nova e luxuosa residência de Bertone fica praticamente ao lado da Casa de Santa Marta, onde o Papa Francisco ocupa 70 metros quadrados.» [DN]
   
Parecer:

Os bons católicos pagam a residência luxuosa do alarve com esmolinhas na missa.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sorria-se.»
   
 O Coelho estava mesmo inspirado
   
«"O essencial dessas medidas [de austeridade] foi feito à custa da despesa corrente primária, que foi reduzida, fora esses montantes [de cortes em salários e pensões], e em particular com os muitos submarinos que nós poupámos a Portugal e aos portugueses durante muitos anos com os contratos que cancelámos." Foi desta forma que Pedro Passos Coelho enfatizou a redução da despesa pública entre 2010 e 2013, dando o exemplo dos submarinos adquiridos por Paulo Portas e pagos em 2010 pelo Governo de José Sócrates como prova cabal de que o esforço orçamental "não foi simplesmente ancorado em medidas que são extremamente dolorosas como as da redução de rendimentos" de funcionários públicos e pensionistas.» [DN]
   
Parecer:

Digamos que o Portas deverá ter sentido uma sensação estranha no duodeno.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Dê-se a merecida gargalhada e sugira-se ao Coelho que em 215 poupe um porta-aviões.»
     

   
   
 photo sedat-saatcioglu-1_zpsde11bbe1.jpg

 photo sedat-saatcioglu-5_zpsa2022d59.jpg
 
 photo sedat-saatcioglu-3_zpsc64b09ec.jpg

 photo sedat-saatcioglu-2_zps39f960d7.jpg
 
 photo sedat-saatcioglu-4_zps1f63a2e7.jpg

 
 
 
     
blog comments powered by Disqus