sexta-feira, novembro 28, 2014



 Jumento do dia
    
Pires de Lima

Comentando as buscas no caso BE Pires de Lima descobriu que "O poder executivo tem que respeitar aquilo que é o funcionamento da Justiça". Resta-nos ainda ter a esperança de que antes de voltar às cervejas Pires de Lima consiga descobrir que o poder executivo também tem de respeitar a Constituição da República.

«"O poder executivo tem que respeitar aquilo que é o funcionamento da Justiça", afirmou Pires de Lima aos jornalistas, à margem da cerimónia de entrega dos prémios do concurso nacional de inovação, promovido pelo Novo Banco, que hoje decorreu em Lisboa.

E reforçou: "Eu não faço nenhum comentário, nem nenhuma especulação relativamente àquilo que é o trabalho da Justiça. Respeito-o".» [Notícias ao Minuto]

 Ridículo

Um dia destes a Procuradora-Geral da República vai acusar-me de ser casado e depois vai em busca da esposa!

 Dúvida legítima

No caso de se vir a provar que Sócrates é inocente e que foi acusado sem provas também podemos meter o procurador, a Procuradora-Geral e o juiz de instrução na prisão de Évora em prisão preventiva, partindo do princípio de que actuaram de má fé, devendo lá ficar até se encontrar prova do contrário?

 Citação: O que mais lhes dói

"O que lhes dói é que, provavelmente, Mário Soares vai ser o único português a ficar na História do Mundo Livre." [Direitos outros]
    
 O alto patrocínio

Sócrates foi detido para que o MP pudesse ir a casa dele antes de o próprio lá chegar e a comunicação social deu conta de que o regresso a Lisboa era para destrir as provas que, afinal, não existiriam pois não foram juntas ao processo. Em contrapartida Ricardo Salgado, o homem que através do BES patrocinou o congresso dos magistrados do MP, que decorreu num hotel de luxo do BES, primeiro foi detido e libertado para semanas depois o MP fazer buscas.
 
Na opinião do MP o seu velho patrocinador é um arguido que se recusa a destruir as provas e teve vários dias ,entre a produção do relatório do BdP e o seu envio para o MP, para se comportar como um cidadão exemplar, recusando-se a destruir as provas antes de os procuradores fazerem as buscas.


 Não tratem a justiça desta forma
   
«O Ministério Público suspeita que José Sócrates não só terá sido corrompido como também terá actuado como corruptor enquanto exercia cargos políticos, segundo avançou a SIC. Mas embora suspeitem que o ex-primeiro-ministro terá recebido contrapartidas em troca de favores, os investigadores ainda não terão identificado todos os que terão pago quantias a Sócrates. Montantes esses que alegadamente estariam em contas tituladas pelo empresário Carlos Santos Silva.

Foi por essa razão que o comunicado lido no Tribunal Central de Instrução Criminal (TIC), no final dos interrogatórios aos quatro detidos da Operação Marquês, não revelava por que tipo de corrupção são indiciados José Sócrates e Carlos Santos Silva, empresário que foi administrador do grupo Lena e é amigo de longa data do ex-primeiro-ministro.» [i]
   
Parecer:

O mínimo que se pode dizer de quem abusa alguém de corrupção sem saber qual o corruptor e o "negócio" que foi feito é que estão confundindo a realidade com a ficção criada pelas suasmentes criativas.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sugira-se aos procuradores que se acusem a si próprios de terem ganho o Euromilhões e depois consultem o saldo, pode ser que lá estejam depositados trinta milhões de euros.»

 Só agora?
   
«A Procuradoria-Geral da República divulgou hoje que as diligências que decorrem no âmbito de um processo-crime "do universo Espírito Santo" têm por base suspeitas de burla qualificada, abuso de confiança, falsificação de documentos, branqueamento e fraude fiscal.

"Nas investigações, relacionadas com o denominado universo Espírito Santo, estão em causa suspeitas dos crimes de burla qualificada, abuso de confiança, falsificação de documentos, branqueamento de capitais e fraude fiscal, refere uma nota da Procuradoria-Geral da República (PGR).

A PGR adianta que, no âmbito de investigações, dirigidas pelo Ministério Público, realizam-se durante o dia de hoje várias diligências, designadamente 34 buscas domiciliárias, uma a advogado e seis buscas a entidades relacionadas com o exercício da atividade financeira.» [DN]
   
Parecer:

Isteo é para dizer que também fazem buscas ao Ricardo SDalgado.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Pergunte-se ao super juíz se encontrou alguns ossos de dinossauro.»

 Claro que houve violação do segredo de justiça
   
«A magistrada do Ministério Público Cândida Almeida considerou hoje que o legislador tem tratado o segredo de justiça como "uma bagatela" e que no caso que envolve José Sócrates a violação "deve ser investigada até às últimas consequências".

Cândida Almeida falava à imprensa à margem da conferência internacional "A convenção de Istambul e os crimes sexuais", na reitoria da Universidade Nova de Lisboa, em Lisboa, e quando questionada sobre se houve violação do segredo de justiça no inquérito crime que envolve o ex-primeiro ministro, a procuradora-geral adjunta considerou que sim e deveria ser feita uma "investigação séria".

"Houve necessariamente violação do segredo de justiça, uma vez que a comunicação social foi informada, portanto, alguém violou e eu, como defensora do segredo de justiça, acho fundamental que se faça uma investigação séria; não quer dizer que se chegue a saber quem é o nome, isso são circunstancialismos do respetivo inquérito, mas é importante que se investigue", sustentou.» [DN]
   
Parecer:

Violação, mentira e muito mais e não venham dizer que foram os advogados ou a AT.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sentemo-nos para esperar confortavelmente.»
  
 A Europa podre no seu melhor
   
«A Dinamarca pagou subsídios de desemprego a 28 dinamarqueses que estavam na Síria a combater ao lado do grupo Estado Islâmico, segundo dados dos serviços de informações dinamarqueses citados pelo jornal BT.

Dos 28 cidadãos identificados pelos Serviços de Segurança e Informações (PET) dinamarqueses, 15 foram intimados a devolver o dinheiro, oito continuam sob investigação e cinco casos foram arquivados por falta de provas, diz o tabloide.

Segundo o jornal, os serviços de informações chegaram a estes dados cruzando informações de várias autoridades. "É extremamente importante que não sejamos ingénuos", disse a ministra da Justiça, Mette Frederiksen, ao jornal.» [DN]
   
Parecer:

Já agora podiam ter-lhes pago um subsídio para fardamento.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sorria-se.»
  
 A subtil homenagem de Cavaco a Sócrates
   
«Portugal é "um dos países mais seguros, estáveis, pacíficos e amigáveis do mundo", onde estão presentes multinacionais como a Nokia, IBM, Cisco ou Embraer, e ainda tem, observou Cavaco Silva, excelentes condições para um desporto favorito nos EAU: hipismo.» [DN]
   
Parecer:

De certeza que a presença da Embraer em Portugal não é motivo de suspeita ou, de certa forma, Cavaco está a dar uma medalha a Sócrates?
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sorria-se.»
  
 Mas O OE não era uma maravilha
   
«Portugal está em risco de violar as regras orçamentais e é isso mesmo que a Comissão Europeia irá dizer esta sexta-feira ao país, na avaliação ao Orçamento do Estado para 2015. França e Itália também estão neste grupo de países, avança a Reuters.

Portugal, Espanha, França, Itália, Bélgica, Áustria e Malta, são os países que vão receber avisos da Comissão Europeia, de que os seus orçamentos podem violar as regras orçamentais europeias. É a primeira vez que Portugal é avaliado ao abrigo do semestre europeu, já que os países com programa de resgate não entravam neste lote.» [Observador]
   
Parecer:

É óbvio que o OE é fantasioso nas suas previsões.
   
Despacho do Director-Geral do Palheiro: «Sorria-se.»
blog comments powered by Disqus