domingo, maio 15, 2016

Semanada

Numa semana que terminava com um 13 de Maio numa sexta-feira ficamos sem perceber se as cunhas do Passos Coelho e de Maria Luís, uma espécie de Plano B para a liderança do PSD, foram um momento de magia negra ou de generosidade cristã. Mas parece que este casal maravilha da austeridade já teve melhores dia, o líder parlamentar a direita europeia ignorou os seus amigos ibéricos e pediu a Junkers mão pesada para Portugal e Espanha.
  
A reacção dos colégios privados à hipótese de perderem alguns subsídios foi tão violenta que mereceu destaque na  homilia cardinalícia em pleno Santuário de Fátima. Parece que a Igreja está tão empenhada na liberdade de escolha ao ensino que vai criar colégios em toda as localidades onde essa liberdade não existe. Agora ficamos à espera que a Opus Dei liberalize o acesso ao seu colégio São João de Brito e não cobre nada aos jovens dos bairros problemáticos de Lisboa.

Depois de a geringonça da esquerda ter chegado ao poder, apesar de Passos e Cavaco (onde andará esta pobre alma?) terem considerado que quem o merecia eram os pafiosos, é a vez de saber se a geringonça conduzida por Rui Vitória também chega ao título. Se isso suceder é casio para dizer que as geringonças é que estão a dar.

blog comments powered by Disqus