sábado, abril 27, 2013

Jumento do DIa


  
Miguel Maduro, equivalente a ministo

Devido ao trauma provocado por Miguel Relvas ou por causa do complexo de inferioridade académica Pedro Passos Coelho foi buscar uma vedeta académica disponível para se enterrar com o governo para substituir o seu velho amigo e sócio. Era de esperar que Miguel Maduro fosse diferente de Relvas, mas ao fim de duas semanas já se percebeu que o novo ministro não teve nenhuma cadeira de preparação para ministro e em matéria de métodos não se ganhou nada com a escolha de um novo miguel.

Até ao momento só se lhe ouviram banalidades para além de parecer alguém problemas ao repetir dezenas de vezes a palavra consenso. Mandar uma carta ao líder da oposição a tempo de ser publicada no Expresso é um golpe baixo para o qual não é preciso saber onde fica Yale, qualquer arrastadeira de Miguel Relvas teria tido a brilhante ideia.

Como político até parece que Miguel Maduro foi à Lusófona pedir a equivalência a Miguel Relvas.
blog comments powered by Disqus