terça-feira, setembro 27, 2016

Concorrência desleal

O normal num transporte tipo táxi é o motorista ter a camisa aberta até ao umbigo, resmungar em vez de falar, dirigir palavrões a todos os condutores que os incomodem quando querem conduzir sem respeitar normas de transito. Fazer o contrário, um motorista de um transporte cumprir as regras de trânsito, vestir como se não estivesse na tasca da coxa é concorrência desleal.

O normal de um transporte privado é o cliente não saber por onde o condutor pretende ir se sendo alguém que não conhece a cidade ou mesmo um idoso com receio de maus trates deve comer e calar, mesmo quando se apercebe que o táxi vai no sentido contrário do destino. Concorrência desleal é informar antecipadamente o utente do percurso e do custo do transporte.

O normal é o condutor passar a viagem a dizer impropérios porque estava na praça de táxis a discutir futebol, há duas horas e em vez de levar um estrangeiro a Cascais, com escala em Peniche, tem de levar alguém num percurso de dois ou três quilómetros. Responder a uma chamada com educação e independentemente do percurso pretendido é mesmo concorrência desleal.

O normal é o carro estar com ar de sujo, cheirando aos muitos cigarros fumados na paragem de táxi, sem contar com o perfume do sovaco do condutor. Apresentar um carro limpinho e sem cheiros conduzido por alguém que se sabe cuidar só pode resultar em concorrência desleal.

O normal é as mulheres terem algum receio de apanhar um táxi por se sentirem permanentemente olhadas pelo retrovisor, sendo obrigadas a esconder as pernas ou qualquer centímetro de pele, ou que jovens adolescentes tenham medo de ir de transportes privados para casa. Transportar com edução e proporcionando ao utente uma sensação de segurança é concorrência desleal.

Compreendo a queixa dos taxistas de que sofrem de concorrência desleal, se eu já há anos que não sei o que é um táxi porque considero que qualquer transporte público ou mesmo andar a pé é bem melhor do que recorrer a um táxi, imagino o que sucede com  as adolescentes, as mulheres, os idosos ou os turistas que conhecem ou foram informados das qualidades dos nossos taxistas.


blog comments powered by Disqus