domingo, setembro 11, 2016

Semanada

Esta semana cheirou mal, não me refiro ao pobre coitado do Carlos Alexandre e da sua entrevista num jardim de Mação, a causa do mau cheiro foi o livro de Fernando Lima, uma manifestação de um cavaquismo em avançado estado de decomposição que fede. Com este livro o antigo executor de golpes baixos às ordens de Cavaco Silva decidiu espalhar pelo país o fedor do cavaquismo no seu lado mais negro, o da traição daqueles que o serviram.

Mas a semana foi também marcada pela entrevista ensaiada do juiz que não concorre para ficar como soldado raso da magistratura no tribunal mais mediático. Se um juiz que não gosta dos flashes nos entra em casa a toda a hora, com entrevistas, notícias dramáticas e declarações de muito mau gosto imagine-se o que seria se o homem gostasse de dar nas vistas. O que terá levado Carlos Alexandre a escolher este momento? Poderá ter sido por não se ouvir falar dele há algum tempo ou, talvez, para dar nas vistas num momento em que o processo de linchamento de Sócrates voltar à ribalta.
  
Mas, parece que meio mundo esperava pelo fim do mês de Agosto para lançar foguetes e numa semana em que Carlos Alexandre e Fernando Lima brilharam eis que a Assunção Cristas também decidiu aparecer, lançando a sal candidatura à Câmara Municipal de Lisboa. Quem não gostou foi um PSD encravado com as incertezas de Pedro Santana Lopes, parece que a líder do CDS não lhes pediu autorização prévia para lançar a sua candidatura.

Entretanto, faleceu mais um soldado devido aos excessos dos treinos do comandos, ao que parece a estratégia para evitar mortes em combate naquela tropa especial consiste em levar o esforço dos instruendos além do que é fisicamente admissível, para desta forma fazer uma selecção natural. Mas o marialvismo militarista foi mais longe e soldado que sinta mal fica na enfermaria até que passe. E passou, o primeiro soldado a sentir-se mal morreu quase sem cuidados médicos. Deve ser para reforçar a coragem das tropas, mas a verdade é que até ao momento nenhum comando teve a coragem de apresentar a demissão, provavelmente não tiraram o curso de comandos. 

blog comments powered by Disqus